Você já ouviu falar sobre os efeitos Placebo e Nocebo? A Surpreendente Capacidade da Nossa Mente em Poder nos Curar, Como Também nos Causar Dano

November 29, 2019

 

Você já ouviu falar sobre o efeito Nocebo?

 

O que significa o efeito ou fenômeno Nocebo? Para ilustrar este fenômeno, Jo Marchant em seu incrível livro Cure: A Journey into the Science of Mind Over Body, menciona uma história incrível que aconteceu em uma escola para mulheres no Afeganistão (1).

 

A escritora conta que mesmo após o país ter aprovado em 2001 o direito as mulheres de receberem instrução, em 2012 continuava sendo ato de extrema coragem uma mulher Afegã frequentar a escola, pois aconteciam centenas de ataques terroristas nas escolas locais. Todos relacionados a represália as mulheres recebendo ensino  (2).

 

Ocorreu que o dia de aula progredia normalmente na escola secundaria para mulheres Bibi Hajerah, quando de repente, uma das alunas reclamou sentir um mau cheiro forte e em seguida, desmaiou. E, imediatamente, uma a uma as estudantes começaram a se sentir mal, com tonteiras e desmaios. Resultando que, em poucas horas, mais de 100 estudantes foram admitidas no hospital local, com mal-estar e dificuldades de respirar (3).

 

A investigação policial feita, concluiu que terroristas estavam tentando impedir as alunas de frequentar a escola, sugerindo que as estudantes haviam sido envenenadas por algum tipo de gás ou água tóxicos (4, 5)

 

O curioso é que, apesar de todas as alunas e professoras terem sido atendidas em hospitais locais, os sintomas passaram rapidamente e todas se recuperaram. E as centenas de amostras de urina, água e sangue testados, retornaram completamente normais. 

 

Posteriormente, investigações da OMS (Organização Mundial da Saúde) com as professoras e alunas, concluiu que o ocorrido nesta escola não se tratava de nenhum ataque terrorista, ao contrário, tratava-se de um surto, causado por uma "doença psicogênica em massa". Ou seja, queixas físicas que são causadas inconscientemente e sem nenhuma correspondente causa (6).

 

E, com base no que é conhecido sobre a biologia do efeito placebo, as alunas não estavam fingindo. O medo ou a crença de que mulheres recebendo ensino poderiam vir a sofrer um ataque terrorista, criou nas alunas sintomas físicos reais, causando em alguns casos ate a perda da consciência.

 

Palavra em latim para placebo = agradar

 

O fenômeno placebo é um campo verdadeiramente fascinante da ciência, pois desafia os conceitos convencionais de como somos curados.

 

Um placebo é um tratamento ou substância que pacientes participando de estudos clínicos recebem de seus médicos. Quase sempre, “medicamentos” na mesma cor e embalagens da droga que está sendo testada, mais que na verdade, possuem substâncias que nem sequer apresentam propriedades farmacológicas. Ou seja, imitam o tratamento ou a medicação regular dada a outros pacientes, com a diferença de que foram feitos com substâncias inertes ou inativas. 

 

Basicamente, antes de uma nova droga ser lançada no mercado, estes medicamentos são testados em grupos (pacientes). E parte do grupo testado recebe a droga em teste e a outra parte recebe placebos. Assim, no final do experimento, pesquisadores avaliam os resultados, que se forem iguais, representa que o medicamento não é eficiente.

 

Desta forma, parte destes pacientes, pensam estarem recebendo de seus médicos drogas poderosas e eficientes. Mais, de fato recebem o equivalente a pílulas feitas de açúcar ou amido. Ou, injeções, xaropes e soros com substâncias inativas (usando solução salina). Ou, qualquer tipo de procedimento médico (incluindo cirurgias simuladas), usando substâncias inativas, ou seja, simulando o tratamento médico regular.

 

E o interessante é que, estudos científicos mostram que nestes estudos clínicos, um terço dos pacientes que recebem placebos de seus médicos, se curam ou tem melhoras significativas na saúde. E estas curas ou melhoras, são creditados pelos próprios pacientes, ao uso do medicamento recebido de seus médicos, pois eles não sabem que receberam tratamentos ou drogas sem nenhum princípio ativo, ou placebos (7).

 

Ou seja, mesmo recebendo tratamentos com substâncias inertes, um terço dos pacientes que recebem estes “medicamentos” são curados ou apresentam melhoras.

 

Agora, se as substâncias usadas no placebo não têm nenhum princípio ativo, como que estas substâncias inativas podem provocar efeitos positivos na saúde destes pacientes? Por definição, os placebos não poderiam provocar efeitos (são substâncias inativas). Então, o que curou ou melhorou a saúde destas pessoas? 

 

Basicamente o poder do pensamento positivo, da crença ou da própria fé no medicamento que receberam. Assim, o poder do efeito placebo é considerado um fenômeno psicológico. Mais não acaba aqui e, o mais interessante é que os placebos também podem provocar efeitos colaterais negativos aos pacientes. Como assim? 

 

Mesmo um tratamento usando substâncias ou procedimentos sem qualquer princípio ativo pode provocar efeitos colaterais nocivos a saúde. O que é cientificamente conhecido como o efeito Nocebo (8).

 

Palavra em latim para Nocebo = prejudicar

 

O efeito Nocebo tornou-se popular nos anos 90 e é um fenômeno pouco discutido por profissionais da área da saúde. Na verdade, alguns médicos reconhecem o efeito Nocebo como sendo um sintoma negativo a um tratamento usando placebo. E admitem que este efeito negativo é induzido pelas expectativas negativas do próprio paciente, aumentando assim a probabilidade de efeitos adversos. E/ou por sugestões negativas, não intencionais, por parte dos médicos e enfermeiras que informam a um paciente que o medicamento que está sendo prescrito poderá causar efeitos colaterais (9, 10).

 

Ou seja, o efeito Nocebo pode desencadear vômitos, tonturas, dores de cabeça e basicamente todos os tipos de sintomas, levando a risco de vida, incluindo morte. Independentemente das propriedades farmacológicas do medicamento em questão (11, 12, 13).

 

Desta forma, voltando ao que aconteceu com as alunas da Escola Secundária Bibi Hajerah como sendo uma observação poderosa do efeito que a mente exerce sobre nosso corpo. E a resposta Nocebo nesse caso foi a capacidade dos pensamentos, crenças, emoções e comportamentos, criarem um efeito negativo e perigoso na saúde e no bem-estar das alunas desta escola.

 

De tal modo, o lado sombrio do efeito placebo e pouco discutido por profissionais de saúde, o efeito Nocebo. Pouco discutido talvez por estar ligado ao poder da nossa mente em criar efeitos benéficos ao nosso corpo, mas também em poder criar efeitos negativos, dependendo de nossas crenças, emoções e comportamentos. 

 

Por favor, deixe teu comentário abaixo. 

 

 

 

 

Por favor deixe um comentário abaixo.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Featured Posts

Do you Have a Chronic Illness and Want an Alternative Health Plan to Change your Health for the Better?

February 2, 2018

1/1
Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive
Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2016 Elianni Gaio

Tel : +1 (786) 797-0809